Tamanho do texto

Suspeito tentou apresentar documento falso, mas acabou desmascarado; procurado pela INTERPOL estava com droga escondida no carro

Na tarde deste sábado (13), a ROCAM mostrou que nem o tráfico internacional de drogas vai ter paz com as equipes do Segundo Batalhão de Polícia de Choque . Os Policiais da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas prenderam um homem que era procurado pela Interpol (International Criminal Police Organization) na capital de São Paulo.

Leia também: ROCAM é implacável com o crime nas ruas de São Paulo

Material apreendido pelos Policiais da ROCAM
Divulgação/ROCAM
Material apreendido pelos Policiais da ROCAM

A bandidagem nacional já sabe o tipo de impacto que a ROCAM causa no crime, mas dessa vez foi um traficante do cartel de Bogotá que "pagou o pato"  por tentar driblar as leis e o Policiais bem treinados. Segundo o próprio criminoso, os PMs foram muito rápidos e persistentes para descobrir um tipo de crime que dava certo há muito tempo. Entenda:

Durante o sábado a equipe formada pelo Tenente Danilo, Soldado Pimenta, Cabo Bueno, Cabo Dantas e Soldado Brandino fazia um patrulhamento de rotina pela região da Lapa, zona oeste da capital quando notou um certo nervosismo em um motorista ao avistar os PMs. "Quando abordamos o homem, ele estava muito nervoso. A princípio, ele não deixava suspeitas, tinha uma idade até avançada. Porém, quando ele deu o documento (RG), notamos que ele estava meio estranhos, faltavam algumas daquelas marcas de segurança que normalmente existem", revelou o Tenente.

O documento, que realmente era falso, foi o start para uma busca minuciosa no veículo do suspeito. "Assim que notamos que o documento era irregular, o Cabo Bueno começou a vasculhar o carro. Durante a revista veícular, ele acabou achando um fundo falso no teto do automóvel. Foi encontrado nesse compartimento: 1 quilo de pasta base de cocaína, cartões de crédito, anotações do tráfico e também RS 2 mil", disse o Tenente Danilo.

Leia também: ROCAM não facilita vida do crime e prende gerente do tráfico na zona leste de SP

Até então, parecia apenas mais uma apreensão de drogas na capital paulista. Mas cabe a Polícia, que zela pela qualidade de vida do cidadão de bem, fazer todo o tipo de investigação até que o criminoso entregue tudo. "Junto com esse homem, também encontramos uma bolsa, nela também existia um fundo falso. Achamos, então, o documento verdadeiro. Daí a coisa ficou clara para gente", afirmou o Tenente. De acordo com o Policial, quando foi pesquisado o nome verdadeiro do suspeito no banco de dados da PM, os homens da ROCAM descobriram que se tratava de um figurão do tráfico internacional. O colombiano era procurado pela INTERPOL e tinha uma pena para cumprir até 2039.

"Ele havia sido preso em 2006 no Brasil, respondia em liberdade, mas quando sua pena saiu ele começou a usar esse documento e estava foragido. Em 2006, ele foi preso com 100 kgs de cocaína do cartel colombiano. Dessa vez, foi 1 kg de pasta base. Essa quantia de droga pode ser transformada em até oito kgs de cocaína e tem um valor muito alto para os criminosos", revela o Tenente Danilo.

Após a prisão, o homem confessou que era o responsável por fazer a distribuição da droga para o Estado de São Paulo. Ele utilizava carros modificados para levar os entorpecentes. O colombiano foi encaminhado para o 91º Distrito Policial; ele vai cumprir o restante da pena e terá mais um processo por tráfico e outro por uso de documento falso para responder.

Certo da impunidade, o traficante acabou espantado com o trabalho da ROCAM."Ele acabou confessando todo o crime e ainda disse que ficou surpreso com o nosso trabalho. Percebemos um golpe antigo e pegamos tudo nos detalhes", finalizou o Tenente Danilo.

Leia também: ROCAM prende suspeito com R$ 70 mil de roubo na região do Morumbi em SP

A ROCAM

Criada em 1982 com o objetivo de dar maior agilidade ao combate ao crime de roubo de veículos e pedestres no intenso trânsito de São Paulo, a ROCAM ficou conhecida pela sua eficiência e agilidade no cumprimento de suas missões. O Batalhão de Choque iniciou o ano de 2017 com a aquisição das modernas motocicletas Triumph Tiger 800XCx.

Leia também: ROCAM prende suspeito após perseguição em São Paulo

Após vencer a licitação pública para fornecimento de motocicletas acima de 600cc, a tradicional montadora inglesa já entregou o primeiro lote de 86 Tiger 800 XCx que já estão com a ROCAM patrulhando as ruas de São Paulo e combatendo a criminalidade. Além da venda, o programa da Triumph inclui um programa de pós-venda e treinamento especializado em pilotagem para os Policiais.


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.