Tamanho do texto

PMs do 2º Batalhão de Choque retiraram arma ilegal das ruas e apreenderam celulares que seriam arremessados para detentos de um presídio da Capital

No meio do caos de São Paulo, as viaturas da Tropa de Choque vão rasgando o trânsito infernal da capital. Para esses Policiais nada é um bloqueio, as vielas, escadarias e corredores vão sendo transpassados com energia e a habilidade que dirigir em situações de risco exigem. Para o crime, fugir desses PMs, com certeza, não é tarefa fácil.

Leia também: ROCAM prende quadrilha de assaltantes após perseguição em São Paulo

Tropa de Choque apreende arma e celulares em São Paulo
Divulgação
Tropa de Choque apreende arma e celulares em São Paulo


Leia também: Uma foto vale mais do que mil tiros. Quase sempre.

E foi em um patralhumento de rotina que o crime sofreu mais uma derrota para a Tropa de Choque . Não adianta, quando os Policiais são bem treinados, a conta para os criminosos sempre chega. E muitas vezes ela chega bem alta.

A equipe formada pelo Tenente Allan Bruno, Cabo Faustino, Cabo Pires e Soldado Jaciel realizava o patrulhamento pela Avenida Rangel Pestana, em Santo André, onde visualizaram um homem em atitude suspeita. Durante a revista, os PMs localizaram um revólver, calibre .38. O suspeito não conseguiu explicar a posse do armamento e acabou recebendo voz de prisão por porte ilegal de arma de fogo e foi conduzido ao 1° Distrito Policial.

Após apresentar a ocorrência, os Policiais voltavam para a sede do Batalhão quando avistaram um carro com três suspeitos. Logo que notaram a presença da viatura do Choque, os homens começaram a tentar fugir em alta velocidade. Mas é impossível fugir de homens com uma perícia afiada no volante, ainda mais no trânsito lento da capital.

Leia também: 2º Batalhão de Choque apreende drogas na zonal sul de São Paulo

Aparelhos de celular apreendidos pelos PMs do 2º Batalhão de Choque
Divulgação
Aparelhos de celular apreendidos pelos PMs do 2º Batalhão de Choque

Depois do breve acompanhamento, os suspeitos foram interecptados. Durante a revista, os PMs localizaram vários aparelhos celulares. A atitude estranha de estar com vários aparelhos acabou ficando clara pela região onde o carro foi abordado, imediações do Centro de Detenção Provisória (CDP), da Vila Prudente. Diante da grande "coincidência", os criminosos acabaram confessando que arremessariam os celulares para o interior do CDP. Presos, os homens foram conduzidos para o 16° Distrito Policial. 




Leia também: ROTA: Tropa de Elite da PM encontra a "tropa de elite" do crime. Veja resultado


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.