Tamanho do texto

Segundo o Ministério da Defesa, cerca de 300 mil jovens de todo o País ainda não se apresentaram; recrutamento pode ser feito online em 20 Estados

Segundo o Ministério da Defesa, alistamento poderá ser feito pela internet em 20 Estados brasileiros
Jorge Cardoso/Ministério da Defesa - 3.3.2015
Segundo o Ministério da Defesa, alistamento poderá ser feito pela internet em 20 Estados brasileiros

O prazo para o alistamento militar obrigatório deste ano termina nesta sexta-feira (30), de acordo com informações do Ministério da Defesa. Segundo levantamento feito pela pasta, cerca de 300 mil jovens em todo o País ainda não se apresentaram nas Juntas do Serviço Militar (JSM) para a efetivação do processo.

Leia também: Polícia Civil faz megaoperação contra cerca de 200 suspeitos de tráfico no Rio

O ministério alerta que todos os jovens brasileiros do sexo masculino que irão completar 18 anos de idade neste ano são obrigados a comparecer à Junta do Serviço Militar mais próxima a sua casa para o alistamento . Caso more no exterior, o cidadão deverá procurar os consulados ou embaixadas do Brasil.

"Estar em dia com o serviço militar evita algumas restrições como obter passaporte, exercer cargo público e até mesmo receber qualquer prêmio do governo federal", ressalta o coordenador do Serviço Militar do Ministério da Defesa, Coronel André Buarque Ribeiro dos Anjos.

Leia também: WhatsApp já pode ser usado para intimações judiciais, define CNJ

A cada ano, cerca de dois milhões de jovens se alistam nas juntas de todo o Brasil. Desse total, e aproximadamente 100 mil cidadãos são incorporados anualmente às Forças Armadas, podendo servir no Exército , Marinha ou Força Aérea Brasileira.

O serviço militar inicial tem duração de 12 meses e pode ser reduzido por dois meses ou prorrogado por até seis meses. De acordo com a existência de vagas nas diversas organizações militares, uma parcela dos jovens que concluem o serviço militar inicial pode permanecer no serviço militar voluntário como soldados. Durante essa permanência, de acordo com cada força, há a possibilidade de realizar curso para promoção a cabo.

Pela internet

Os moradores dos Estados do Amapá, Pará, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pernambuco, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo também podem se alistar por meio da internet.

O serviço online ainda não está disponível para a população do Acre, Amazonas, Espírito Santo, Rio de janeiro, Rondônia e Roraima, bem como em cidades espalhadas pelo interior do Estado de São Paulo.

Os documentos necessários para efetivação do procedimento nas Juntas do Serviço Militar são: certidão de nascimento ou equivalente (carteiras de identidade, de motorista ou de trabalho), comprovante de residência e uma foto 3x4 recente.

Leia também: Governo propõe liberação de R$ 102 mi para retomar emissão de passaporte

Após o alistamento, será anotado ou anexado no verso do Certificado de Alistamento Militar (CAM) a data de retorno à Junta de Serviço Militar para que o jovem possa tomar conhecimento quanto à apresentação na seleção geral ou à dispensa do Serviço Militar.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.