Tamanho do texto

Executivo da BRF, que havia chegado de uma viagem à África, foi alvo de prisão preventiva, com mandado expedido na última sexta-feira (17)

Polícia Federal ainda não se manifestou oficialmente sobre a prisão de gerente da BRF
Divulgação
Polícia Federal ainda não se manifestou oficialmente sobre a prisão de gerente da BRF

O gerente de Relações Internacionais e Governamentais da Brasil Foods (BRF), Roney Nogueira dos Santos, foi preso na madrugada deste sábado (18) no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Segundo a assessoria da BRF, Santos se entregou às autoridades. 

Leia também: Friboi e outras marcas investigadas são alvo de revolta na web

O executivo da BRF, que chegou de uma viagem à África, foi alvo de prisão preventiva, com mandado expedido na última sexta-feira (17). A PF não se pronunciou sobre o assunto. Roney é acusado de influenciar decisões dos fiscais do Ministério da Agricultura.

“[Roney Nogueira] remunera diretamente fiscais contratados, presenteia com produtos da empresa, se dispõe a auxiliar no financiamento de campanha política e até é chamado a intervir em seleção de atleta em escolinha de futebol. Com tantas benesses, há notícia de que ele possui login e senha para acessar diretamente o sistema de processos administrativos (SEI) do MAPA [Ministério da Agricultura], obviamente de uso restrito ao público interno”, disse o juiz federal Marcos Josegrei da Silva, que determinou a prisão do gerente.

Veja lista de alvos de mandato de prisão preventiva:

1. CARLOS CESAR 285.657.389-49

2. DANIEL GONÇALVES FILHO 240.236.809-82

3. ERALDO CAVALCANTI SOBRINHO 147.460.189-87

4. FABIO ZANON SIMÃO 004.855.239-90

5. FLAVIO EVERS CASSOU 274.744.109-15

6. GERCIO LUIZ BONESI 280.948.839-87

7. GIL BUENO DE MAGALHÃES 139.185.089-00

8. IDAIR ANTONIO PICCIN 385.728.340-87

9. JOSÉ EDUARDO NOGALLI GIANNETTI 061.220.369-78

10. JOSENEI MANOEL PINTO 178.236.259-20

11. JUAREZ JOSÉ DE SANTANA 362.418.069-04

12. LUIZ CARLOS ZANON JUNIOR 084.118.914-53

13. MARIA DO ROCIO NASCIMENTO 299.582.379-20

14. NAIR KLEIN PICCIN 588.280.100-10

15. NILSON ALVES RIBEIRO 110.854.993-34

16. NILSON UMBERTO SACCHELI RIBEIRO 005.467.139-63

17 NORMÉLIO PECCIN FILHO 569.967.560-49

18. PAULO ROGÉRIO SPOSITO 107.683.568-65

19. RENATO MENON 567.272.089-72

20. ROBERTO BRASILIANO DA SILVA 445.188.899-91

21. RONEY NOGUEIRA DOS SANTOS 019.854.899-02

22. SEBASTIÃO MACHADO FERREIRA 324.920.499-49

23. SERGIO ANTONIO DE BASSI PIANARO 354.322.489-87

24. TARCÍSIO ALMEIDA DE FREITAS 771.766.858-00

25. ANDRÉ LUIS BALDISSERA 007.005.439-88

26. DINIS LOURENÇO DA SILVA 067.562.551

Leia também: Greve de servidores em Santos chega a dez dias e continua sem negociação

Alvos de prisão temporária:

1. ALICE MITICO NOJIRI GONÇALVES 486.788.309-30

2. BRANDÍZIO DARIO JUNIOR 479.843.929-00

3. CELSO DITTERT DE CAMARGO 404.672.019-00

4. LEOMAR JOSÉ SARTI 675.598.249-00

5. LUIZ ALBERTO PATZER 210.677.599-72

6. MARCELO TURSI TOLEDO 619.382.119-87

7. OSVALDO JOSÉ ANTONIASSI 080.134.549-91

8. RAFAEL NOJIRI GONÇALVES 041.480.529-10

9. SIDIOMAR DE CAMPOS 362.892.649-15

10. ANTONIO GARCEZ DA LUZ 340.614.799-20

11. MARIANA BERTIPAGLIA DE SANTANA 058.852.099-36

Leia também: Ilan Goldfajn e Henrique Meirelles fazem queda de braço por alíquota do IOF

Mandados de condução coercitiva:

1. EDYMILSON PENA DOS SANTOS 669.275.449-68

2. JOSÉ NILSON SACCHELLI RIBEIRO 005.467.149-35

3. LAIS NOJIRI GONÇALVES 041.477.919-30

4. MARA RUBIA MAYORKA 922.839.189-87

5. MARCELO ZANON SIMÃO 849.135.689-49

6. SONIA MARA NASCIMENTO 450.327.009-59

7. FABÍOLA BUENO DE MAGALHÃES LAMERS 027.392.149-52

8. GABRIELA BERTIPAGLIA DE SANTANA 058.852.189-27

9. NATALIA BERTIPAGLIA DE SANTANA 058.852.029-23

10. ALESSANDRA KLASS GUIMARÃES MARTINS 038.595.909-52

11. ALEXANDRE PAVIN 036.290.879-65

12. ALMIR JORGE BOMBONATTO 097.759.949-34

13. ANDRÉ DOMINGOS BERNARDI PARRA 090.452.109-59

14. ANDRÉ JANSEN DE MELLO DE SANTANA 021.186.819-17

15. BERNADETE BUSATO POLLI 964.031.959-72

16. CELIA REGINA NASCIMENTO 299.582.029-72

17. CLAUDIA YURIKO SAKAI 015.705.169-28

18. DANIEL RICARDO DOS SANTOS 025.604.939-42

19. DOMINGOS MARTINS 005.388.509-06

20. EDSON LUIZ ASSUNÇÃO 538.954.879-53

21. EGLAIR DE MARI AMARAL 318.482.909-00

22. EDUARDO VILELA MAGALHÃES 497.757.829-53

23. FABIANA RASSWEILER DE SOUZA 016.662.999-52

24. FABIULA DE OLIVEIRA AMEIDA 320.516.848-80

25. FELISBERTO LUIS DE ANDRADE 307.730.249-72

26. FERNANDO POLLI 005.719.259-60

27. FREDERICO AUGUSTO DE AZEVEDO LIMA 847.696.701-25

28. GUILHERME BIRON BURGARDT 573.877.029-34

29. HENRIQUE FELIX ERICK BREYER 202.432.789-34

30. HEULER IURI MARTINS 009.952.039-70

31. INES LEMES POMPEU DA SILVA 574.676.099-49

32. ISAAC CORREIA DANTAS 003.556.339-73

33. ISMAEL LEACHI 086.340.929-68

34. JACKSON LUIZ PAVIN 254.497.539-34

35. JOSÉ ANTONIO DIANA MAPELLI 177.913.948-98

36. JOSÉ ROBERTO PERNOMIAN RODRIGUES 058.787.588-73

37. JOSÉ RUBENS DE SOUZA 323.389.299-34

38. JOSÉ TEIXEIRA FILHO 142.909.799-04

29. JULIO CESAR CARNEIRO 168.274.651-87

40. KELLI REGINA MARCOS 056.310.649-28

41. LIEGE MARIA SALAZAR 035.512.339-85

42. LUCIMARA HONORIO CARVALHO 020.439.949-13

43. LUIZ FERNANDO GUARANA MENEZES 347.883.808-89

44. LUIZ SANTAMARIA NETO 359.092.189-72

45. MARCIA CRISTINA NONNEMACHER SANTOS 017.668.419-02

46. MARCOS CESAR ARTACHO 521.468.049-04

47. NAZARETH AGUIAR MAGALHÃES 715.275.836-00

48. NELSON LEMES DE MOURA 172.660.092-00

49. ORESTES ALVARES SOLDORIO 349.949.049-87

50. PÉRICLES PESSOA SALAZAR 018.752.119-00

51. PERITO GARCIA 532.755.009-53

52. ROBERTO BORBA COELHO JUNIOR 043.103.809-05

53. ROBERTO MÜLBERT 661.720.559-68

54. RONALDO SOUSA TRONCHA 339.648.311-15

55. SIDNEI DONIZETE BOTTAZZARI 364.665.499-68

56. SILVIA MARIA MUFFO 012.275.688-60

57. SYLVIO RICARDO D’ALMAS 654.569.559-20

58. VALDECIO ANTONIO BOMBONATO 335.683.759-15

59. VINICIUS EDUARDO COSTA DE SOUZA 005.268.799-63

60. WELMAN PAIXÃO SILVA OLIVEIRA 794.666.485-00

61. ZELIA MARIA BUSATO PAVIN 859.573.569-72

62. ANA LUCIA TEIXEIRA 052.843.389-01

63. FRANCISCO CARLOS DE ASSIS 166.557.961-72

64. VALDECIR BELANCON 023.219.689-31

65. FLÁVIO RIBAS CASSOU 073.545.229-61

66. CLÉBIO HENRIQUE POLVANI MARQUES 045.054.479-60

67. SOLANGE LINARES MACARI NOJIRI 628.848.089-49

68. MARCO AURÉLIO RODRIGUES BINOTTI 024.721.429-94

69. ROBERTO BORBA COELHO 358.803.849-34

70. IDEFRED KONIG 491.766.849-20

71. SUELI TEREZINHA FARIA PIANARO 955.953.509-97

72. FABIO MURILO PIANARO 047.423.459-24

73. ELIAS PEREIRA BARBOSA 016.593.119-18

74. ROBERTO PELLE 219.775.349-53

75. NELSON GUERRA DA SILVA 895.394.439-20

76. VICENTE CLAUDIO DAMIÃO LARA 365.895.199-0

77. DANILO LUCIANO 055.719.299-44

78. CLÉBIO HENRIQUE POLVANI MARQUES 045.054.479-60

79. VALDECIR BELACON 023.219.689-31

80 CARLOS AUGUSTO GOETZKE 231.972.509-15

81. SERGIO RICARDO ZANON 880.047.089-00

A operação

Segundo a PF, os frigoríficos envolvidos na Operação Carne Fraca maquiavam carnes vencidas com ácido ascórbico e as reembalavam para vendê-las. As empresas, entre elas a BRF e a JBS, subornavam fiscais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para que autorizassem a comercialização do produto sem a devida fiscalização. A carne imprópria para consumo era destinada tanto ao mercado interno quanto à exportação.

*Com informações da Agência Brasil

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.