Operação Estufa cumpre 15 mandatos de prisão preventiva e 21 mandatos de busca e apreensão, informou a Polícia Federal
PF/PE
Operação Estufa cumpre 15 mandatos de prisão preventiva e 21 mandatos de busca e apreensão, informou a Polícia Federal


Para coibir um grupo suspeito de tráfico de drogas em Pernambuco a Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta terça-feira (14) a Operação Estufa.  A PF informou que as investigações apontam que os suspeitos, além de atuarem em Pernambuco, podem ter envolvimento no tráfico de drogas na Bahia, Paraíba e no Rio Grande do Norte.

Leia também: Metrô de São Paulo entrará em greve nesta quarta-feira

A Polícia Federal cumpriu 15 mandatos de prisão preventiva e 21 mandatos de busca e apreensão em cidades da Pernambuco e na Paraíba. Segundo a PF a quadrilha era o elo entre os produtores das drogas e os revendedores. Os investigadores descobriram que a quadrilha comprava grande quantidade de drogas direto dos fabricantes e transportava a carga junto a outros produtos lícitos com o auxílio de caminhões de frete e o produto era endereçado a depósitos de propriedade da organização.

O destino da droga era a distribuição para revendedores locais, com maior atuação na região metropolitana do Recife, no município de Paulista e em estados próximos a região.  A PF informou ainda que as investigações tiveram inicio em novembro do ano passado e de lá para cá seis envolvidos neste esquema de tráfico de drogas foram presos.

Você viu?

Leia também: Polícia do Rio prende suspeitos de divulgar pornografia infantojuvenil

Outras fases

A operação Estufa apreendeu anteriormente duas toneladas de maconha, seis automóveis que eram usados pela quadrilha, R$ 32 mil. Na operação de hoje foi necessário o apoio de 90 policiais federais de Pernambuco, da Paraíba e de Alagoas. Todos estão desde as 6h da manhã cumprindo os mandados de prisão e de busca e apreensão.  A operação Estufa contou com o apoio de 11 policiais militares do Batalhão da Polícia Especializada do Interior.

Até às 9h da manhã desta terça-feira (14) a PF informou que oito, dos 15 mandatos de prisão preventiva, foram cumpridos. No período os agentes apreenderam 150 quilos de maconha, 20 quilos de pasta-base de cocaína, três pistolas, quatro revólveres, crack, um automóvel, duas carretas de transporte de combustível e R$ 8,5 mil em dinheiro.

Os presos estão sendo levados para a sede da Polícia Federal em Pernambuco, no Cais do Apolo, zona central do Recife. Depois, serão encaminhados ao Centro de Triagem (Cotel), em Abreu e Lima. Eles são acusados de tráfico, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Caso sejam condenados, as penas somadas podem ultrapassar 45 anos de prisão.

Leia também: Em depoimento à Justiça Federal, Lula nega ter tentado obstruir a Lava Jato

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários