Imagem meramente ilustrativa
Reprodução/ FiberSals
Imagem meramente ilustrativa


A diretoria da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) aprovou um plano de contingência para recuperação dos principais reservatórios de água do país nesta segunda-feira (18). A medida foi tomada para aproveitar o período chuvoso, que vai de dezembro deste ano a abril de 2022, e garantir a recuperação dos níveis para os anos seguintes.

Neste ano, a falta de chuvas provocou redução significativa da capacidade dos reservatórios. O plano define vazões defluentes máximas que devem ser praticadas durante o período chuvoso nos reservatórios de Serra da Mesa, Três Marias, Sobradinho, Emborcação, Itumbiara, Furnas, Marechal Mascarenhas de Moraes, Jupiá e Porto Primavera. Novos reservatórios poderão ser incluídos nas medidas de contingência.

Leia Também


A agência informou que as regras serão comunicadas ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para adoção no Sistema Interligado Nacional (SIN). A implementação das medidas será acompanhada por meio de boletins e sala de crise específicas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários