Jeanine Añez
Zaconeta Caballero Reinaldo
Jeanine Añez

A ex-presidente boliviana, Jeanine Añez, tentou suicídio na prisão neste sábado (21). Ela foi detida em março sob as acusações de conspiração e terrorismo, após deixar a presidência em novembro do ano passado, para a eleição de Luis Arce.

Ontem, o procurador-geral da Bolívia, Juan Lanchipa, apresentou ao Supremo Tribunal de Justiça (TSJ), uma denúncia de genocídio contra Jeanine.

“O médico forense chegou ao local para fazer um diagnóstico da senhora Jeanine Añez, para fazer uma avaliação do estado em que ela se encontra“, afirmou Douglas Uzquiano, diretor da Força Especial de Combate ao Crime, segundo O Antagonista.

De acordo com a imprensa boliviana, a ex-presidente fez cortes no antebraço.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários