Alunos receberão auxílio para alimentação enquanto escolas estiverem fechadas
Toninho Tavares/Agência Brasília
Alunos receberão auxílio para alimentação enquanto escolas estiverem fechadas

Doria anunciou nesta nesta quarta-feira (25) a criação do programa Merenda em Casa, que fornecerá auxílio para  alimentação a 700 mil estudantes da rede estadual de São Paulo . A ação possui caráter emergencial, devido à suspensão das aulas em toda a rede estadual em virtude do coronavírus. Será repassado o valor de R$ 55 por estudante para a compra de alimentos a partir de abril.

A iniciativa abastecerá os estudantes inscritos no programa Bolsa Família e que vivem em condição de extrema pobreza, de acordo com o Cadastro Único Federal.

Veja também: Moradores de Cidade de Deus recebem 200 cestas básicas

“A medida vai perdurar enquanto as aulas estiverem suspensas. É uma medida protetiva, de atenção às famílias e às crianças mais vulneráveis do nosso Estado. O valor é suficiente para comprar uma cesta básica”, afirmou Doria.

O valor do investimento é de R$ 40,5 milhões por mês e chegará a mais de 20% dos 3,5 milhões de alunos da rede. A Secretaria da Educação ainda estuda uma alternativa para aproveitar os alimentos perecíveis destinados para a merenda que estão estocados nas escolas.

Leia também: "Lidere o seu País", diz Doria a Bolsonaro após briga em reunião 

    Veja Também

      Mostrar mais