Definição de nomes antes do conclave é 'fantasia', diz dom Odilo Scherer

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Cardeal brasileiro faz a afirmação depois de jornal italiano apontá-lo como favorito entre cardeais influentes do grupo que escolherá sucessor de Bento 16

AP
Cardeal brasileiro Odilo Scherer é seguido pelo compatriota cardeal Geraldo Magella Agnelo na chegada ao encontro no Vaticano

As reuniões que antecedem o conclave que elegerá o futuro papa são guiadas pelo "senso de responsabilidade", disse nesta terça-feira (5) o cardeal brasileiro dom Odilo Scherer, arcebispo de São Paulo. Scherer negou que o nome daquele que sucederá o papa emérito Bento 16, que renunciou ao pontificado no dia 28 de fevereiro, esteja definido antes da votação.

Fonte: Cardeais querem informações sobre relatório secreto

Dom Odilo foi apontado por uma publicação italiana como um dos nomes cotados para ser o futuro pontífice. "Dizer que, antes do conclave, os nomes estão prontinhos não é a realidade. Faz parte da fantasia", disse Scherer. Segundo o arcebispo de São Paulo, durante as reuniões há conversas, curtos discursos e a evocação do Espírito Santo.

Antecipação: Papa muda legislação da Igreja e permite a cardeais iniciar conclave antes

Jornal: Cardeais influentes apoiariam arcebispo brasileiro para papa

Segundo reportagem publicada em boletim especial do jornal italiano La Stampa, alguns dos cardeais mais influentes da Cúria Romana, entre eles os italianos Angelo Sodano, decano do Colégio de Cardeais, e Giovanni Battista Re, que presidirá o conclave para a eleição do próximo papa, estariam apoiando o nome de Scherer.

Pelo segundo dia consecutivo, o Colégio dos Cardeais se reúne nesta terça-feira (5). A expectativa é que a data para o início do conclave seja definida, com a previsão de chegada dos 12 cardeais que faltam. Na segunda-feira, a reunião preliminar ocorreu com a presença de 142 cardeais, dos quais 103 são eleitores no conclave, inclusive cinco brasileiros.

Legado: Papa de 'transição', Bento 16 enfatizou resgate da tradição católica

A reunião do Colégio dos Cardeais é uma espécie de preparatório para o conclave, cujo prazo de encerramento é esperado para o final da Páscoa, no dia 31 de março. A primeira etapa da reunião preliminar feita ontem, segundo o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, transcorreu em clima de serenidade.

Os religiosos também fizeram um juramento, baseado na Constituição da Igreja Católica Romana - Universi Dominici Gregis - sobre como se comportarão durante o encontro. Treze cardeais se pronunciaram e houve um intervalo. Os cardeais aproveitaram a reunião para se conhecerem.

Desafios: Disputas, rivalidades e traições do Vaticano aguardam próximo papa

Análise: Novo papa vai liderar Igreja ameaçada por escândalos e avanço protestante

Uma fonte do Vaticano informou à agência Reuters, entretanto, que, durante a reunião a portas fechadas, os cardeais manifestaram interesse em receber informações sobre um relatório secreto que trata de um escândalo de corrupção e disputa de poder na Santa Sé.

No ano passado, três cardeais escreveram um relatório para Bento 16 sobre a crise na Cúria Romana, documento que será entregue ao novo papa, mas não aos cardeais. Os três autores do relatório estão nas congregações gerais, mas não no conclave, por terem mais de 80 anos.

O escândalo conhecido como "VatiLeaks", motivo do relatório encomendado por Bento 16, é um dos temas que pairam sobre o processo de escolha do novo pontífice, juntamente com o problema dos abusos sexuais cometidos por clérigos contra menores no mundo todo e dos acobertamentos desses crimes por parte da hierarquia católica.

Keith O'Brien: Cardeal se desculpa por conduta sexual

Cenário: Renúncia de Bento 16 redefine pontificado ao abrir precedente para futuros papas

Um eleitor do conclave, cardeal Keith O'Brien, abdicou ao comando da arquidiocese de Edimburgo e desistiu de participar do processo de escolha do novo papa por causa de suspeitas de ter tido comportamento indevido com padres e seminaristas no passado.

AP
Cardeais se encaminham para reunião pré-conclave no Vaticano

Com Agência Brasil, BBC e Reuters

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas