Post em Twitter atribuído a Lenoir diz que goleiro deveria "confessar homicídio"

Mensagem foi postada em perfil atribuído a Tiago Lenoir um dia antes de o advogado ser nomeado para a equipe de defesa de Bruno

iG São Paulo | - Atualizada às

Alex de Jesus/O Tempo/Futura Press
Tiago Lenoir assume a defesa de Bruno após Rui Pimenta ser destituído

Tiago Lenoir foi nomeado hoje o novo advogado do ex-goleiro Bruno Fernandes. Ele vai atuar ao lado de Francisco Simim após Rui Pimenta ser destituído no segundo dia de audiência no Fórum de Contagem, em Minas Gerais. O anúncio foi feito por meio de um perfil atribuído a Lenoir no Twitter: "Fui substabelecido pelo dr. Simim e estou na defesa do Bruno".

Saiba tudo sobre o julgamento do caso Bruno

O mesmo perfil também exibiu ontem mensagens sobre Bruno e Macarrão, réus do julgamento. "O Bruno e Macarrão deveriam confessar o crime de homicídio e negar a ocultação de cadáver e sequestro. Dai pega 6 anos e volta a jogar bola. Mas na prática a defesa vai continuar falando asneiras e o Bruno será condenado a mais de 38 anos". Os posts foram apagados.

Em entrevista em frente ao Fórum nesta tarde, Lenoir diz que é um "reforço". "Não muda nada na defesa. Eu vim só para reforçar essa defesa."

Francisco Simim comentou a mensagem: "Ontem ele tinha uma opinião, hoje ele tem outra. Nossa principal estratégia é a negativa de autoria. O Bruno já está administrado."

* Com O Dia e AE

    Leia tudo sobre: goleiro bruno

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG