Tamanho do texto

Quem ainda não sabe o que fazer com a nota da prova ainda pode se organizar e aproveitar o resultado para garantir uma vaga na faculdade

enem
shutterstock/Reprodução
enem

No último domingo (12), pouco mais de 4,5 milhões de pessoas fizeram a segunda prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A prova, que contou com aproximadamente 6,7 milhões de inscritos dá acesso a instituições de ensino superior públicas e privadas.

Depois de conferir os gabaritos oficiais das provas do Enem - incluindo a primeira, realizada no dia 5 -, divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), os candidatos já devem ficar atentos e se planejar para saber qual será a melhor maneira de usar a nota da prova.

“Acho que fui bem. Pelas minhas contas, devo fazer uma média de 700 pontos nas duas provas. Mas ainda preciso saber como me saí na redação”, conta Ana Paula Peçanha, de 19 anos, que fez a prova pela segunda vez.

Se tudo sair como a jovem planeja, levando em conta a nota de corte dos participantes da edição passada, é possível que ela consiga participar do Sisu e tenha grandes chances de conseguir uma vaga em alguma universidade publica na área de Relações Internacionais, que quer seguir.

Mas nem todo mundo conseguiu definir os planos da mesma maneira que Ana Paula, e para ajudar quem ainda precisa de uma direção para onde seguir, o programa “Quero Bolsa” elaborou algumas dicas de como se preparar para usar a nota do Enem da melhor maneira e não perder tempo para começar a faculdade.

Primeiro passo

Defina a carreira e o curso  - Se ainda está em dúvida sobre o curso, comece uma pesquisa detalhada sobre as opções, enquanto aguarda a nota oficial do Enem – que deve ser divulgada até o dia 19 de janeiro.

Leve em conta seu perfil, as disciplinas que mais gosta, assuntos com os quais têm interesse e habilidades pessoais. Por exemplo, facilidade em matemática e física, além de bom raciocínio lógico, são características que levarão o estudante naturalmente para a área de exatas. No Quero Bolsa é possível fazer um  teste vocacional gratuito para eliminar todas as dúvidas.

Segundo passo

Escolha a universidade  - Depois de escolher o curso que irá fazer, chega a hora de definir onde estudar. O Brasil conta com mais de 2 mil instituições de Ensino Superior, o que significa opções de sobra para escolher.

É hora de levar em conta não apenas a tradição da faculdade, mas também saber o que os alunos que já estudam nela pensam sobre a instituição e o curso. Uma dica valiosa é conversar com quem já fez o mesmo curso e está no mercado, ou ainda está estudando, para ajudar a definir a melhor universidade de acordo com os seus interesses.

Terceiro passo

Faça as contas - Pesquise o valor da mensalidade no curso de interesse em diferentes instituições de ensino e faça a melhor escolha entre custo do curso, qualidade do ensino.

As ferramentas de pesquisa da plataforma associadas às informações disponíveis sobre cursos e instituições são um importante ajuda nesse momento. E lembre-se, bolsa de estudo é uma possibilidade para a maioria dos estudantes brasileiros.

Nos últimos anos, centenas de instituições de ensino passaram a oferecer bolsas não apenas com fins sociais ou para premiar os melhores estudantes, mas como uma oportunidade para quem pesquisa e antecipa a matrícula. Neste momento há mais de 350 mil bolsas de graduação em cursos presenciais e a distância com descontos de até 70% disponíveis no Quero Bolsa.

Quarto passo

Use a nota do Enem  – Confira sua nota de acordo com o gabarito oficial para ter uma estimativa de quanto deve tirar.  Use o resultado aproximado para comparar com as notas de corte das principais instituições do país. Assim, é possível ter uma ideia se vai dar para entrar em uma universidade pública ou se o melhor é reservar uma vaga em instituição privada.

No site Quero Bolsa há um  simulador de nota de corte que auxilia o estudante a tomar a melhor decisão. 

Leia também: MPF e PF deflagram operação de combate a fraudes no Enem em três estados

    Leia tudo sobre: Enem