Treze redes estaduais de ensino não bateram metas de crescimento no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica estipuladas pelo Ministério da Educação

Os dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Idep) 2011 divulgados nesta terça-feira pelo Ministério da Educação (MEC) revelam que 13 redes estaduais não bateram todas as metas, estabelecidas em 2005, para que o ensino atinja em 2021 uma qualidade compatível com a dos países desenvolvidos.

Veja também: Consulte a nota da sua escola no Ideb e confira as metas

Capitais: Conheça os prefeitos das capitais que não atingiram as metas do Ideb
Ideb no País:
Desempenho melhora na educação básica, mas ensino médio ainda patina
Fracasso em redes: 37% dos municípios não batem metas no fim do ensino fundamental
Bom exemplo no Rio:  Colégio em favela com tráfico é o 3º melhor do Brasil no Ideb
Desempenho no Ceará:  Estado é que mais superou as próprias metas no Ideb 2011

Nos anos iniciais do ensino fundamental, Alagoas, Paraná e Rio de Janeiro estão abaixo da meta. Doze Estados não conseguiram alcançar a meta nos anos finais desta etapa: Alagoas, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondonia, Roraima e Sergipe. No ensino médio, Alagoas, Distrito Federal, Espírito Santo, Pará, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Sergipe não atingiram as metas.

Veja os governadores que não atingiram as metas :

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.