Uchila
Reprodução
Michel Uchiha é pré-candidato pelo PSB

Uma sindicância contra Michel Uchiha, terceiro sargento que atua na Escola Naval, foi aberta pela Marinha após o militar - que é pré-candidato a vereador pelo PSB no Rio - questionar nas redes sociais sobre o dinheiro que a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, recebeu do ex-assessor Fabrício Queiroz.

Uchiha, de 30 anos, serva a Marinha há quase 11 e também se destaca na militância política por defender o movimento LGBTQI+. Ele afirma que, após a pré-candidatura, passou a receber ameaças e mensagens ofensivas dos colegas da corporação. Ao Uol, ele diz que acredita que muitos dos ataques se devem ao fato de ser gay, militar e de esquerda.

Após o tweet, a acusação é de que o pré-candidato teria feito uso político-partidário das redes sociais, o que é proibido pela legislação interna da Marinha. Caso a infração seja confirmada, um processo disciplinar pode levar, inclusive, à sua expulsão da corporação.

    Veja Também

      Mostrar mais