O presidente Jair Bolsonaro, durante visita a posto de gasolina
Reprodução/YouTube - 22.07.2022
O presidente Jair Bolsonaro, durante visita a posto de gasolina

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender nesta sexta-feira a adoção de um sistema de apuração paralelo nas eleições deste ano. Bolsonaro evitou responder, no entanto, o que fará caso o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não aceite essa sugestão.

"Nós temos muito tempo pela frente...Eu vou dar golpe em mim mesmo, é isso? Eu vou dar autogolpe?", disse ele, durante visita a um posto de gasolina em Brasília.

Questionado se irá passar a faixa presidencial caso o modelo atual seja mantido e ele perca as eleições, o presidente também não respondeu.

"Você está louca que eu fale "não", né?"


Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários