Representações tratam de outdoors em Mato Grosso e Minas Gerais
Reprodução
Representações tratam de outdoors em Mato Grosso e Minas Gerais


O Partido dos Trabalhadores (PT) acionou o TSE questionando a instalação de outdoors nos estados de Minas Gerais, Maranhão e Mato Grosso que difamam o ex-presidente Lula.

Foram apresentadas 3 representações e, de acordo com comunicado divulgado pelo partido, estes conteúdos referem-se a “propaganda eleitoral extemporânea e vedada”.

A legenda de esquerda quer que os outdoors sejam retirados pelos responsáveis, assim como a remoção de publicações nas redes sociais que divulguem as peças colocadas nos três estados.

Uma das representações apresentadas pelos advogados do PT refere-se a painéis colocados em Divinópolis (MG), que exibem o texto “Nós aqui odiamos este ladrão comunista. Fora maldito”.

Leia Também

Outra diz respeito a outdoors instalados em Rondonópolis (MT). “Rondonópolis – MT Aqui esse bandido é reconhecido como “O Traidor da Pátria” Fora… Maldito!”. Nesta ação, o partido também denuncia o grupo Movimento Conservador de Rondonópolis, que assumiu a responsabilidade de colocar os conteúdos na cidade.

A terceira representação é relacionada ao patrocínio para a instalação dos outdoors em Imperatriz, no Maranhão. "Esse traidor da pátria não é bem-vindo. Fora maldito", diz o outdoor.

"O teor das mensagens propagandeadas representa uma violação aos direitos de personalidade de Luiz Inácio Lula da Silva, com dizeres ofensivos. Isto é, em nada contribui com o debate eleitoral, restringindo-se apenas ao campo das ofensas e disseminando o discurso de ódio que representa uma verdadeira ameaça à democracia”, destacaram Eugênio Aragão e Cristiano Zanin, advogados do PT.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários