Alvaro Dias nega ida de Moro para o União Brasil:
Reprodução
Alvaro Dias nega ida de Moro para o União Brasil: "Assunto encerrado"

senador Alvaro Dias (Podemos-PR), negou na última quinta-feira (03) qualquer possibilidade do  ex-juiz e presidenciável Sergio Moro (Podemos) em deixar seu partido. Para o parlamentar, trata-se de um "assunto encerrado".

Mesmo após a declaração, o senador ressaltou que a relação entre Podemos e União Brasil - partido que terá como base a fusão do PSL com o DEM - segue boa. O partido terá a prerrogativa de escolher o vice na chapa do ex-ministro da Justiã e Segurança Pública.

Alvaro - presidenciável que concorreu nas eleições de 2018 e recrutou Moro ao Podemos para disputar o pleito em 2022 - ressaltou que seria "impróprio" negociar a saída do ex-juiz.


Os políticos ACM Neto e Luiz Henrique Mandetta, lideranças do DEM, afirmaram que Moro não deveria trocar de partido três meses após ingressar no Podemos pois isso representaria um risco a sua campanha presidencial.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários