Moro disse que está isolado e cancelou reuniões partidárias
Reprodução
Moro disse que está isolado e cancelou reuniões partidárias

O pré-candidato a presidência da República, Sérgio Moro (Podemos), informou neste sábado (15) estar com sintomas leves da Covid-19. A declaração foi dada por uma rede social,  após o diagnóstico da doença na sexta-feira (14).

Moro ainda exaltou a ciência e disse que as doses da vacina evitou sintomas piores da Covid-19.

"Acordei com uma sensação de mal-estar, com sintomas leves da Covid. Vai passar. Deus abençoe a ciência e as vacinas, sem elas seria muito pior", publicou no Twitter.

O presidenciável afirmou ainda que irá manter o isolamento e cancelou todas as reuniões marcadas para a próxima semana. Entre elas, estava um encontro com o ex-ministro da Saúde, Luís Henrique Mandetta (DEM), que também pretendia lançar sua candidatura ao Palácio do Planalto.

Moro e Mandetta devem discutir uma possível aliança entre Podemos e União Brasil, partido originário do DEM e PSL. Além do ex-ministro, Luciano Bivar e Mendonça Filho correm por fora na disputa pela vice-presidência.

Além do ex-juiz, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o governador João Dória (PSDB) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) foram outros presidenciáveis que testaram positivo para Covid-19.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários