Médica Nise Yamaguchi
Michel Jesus/Câmara dos Deputados
Médica Nise Yamaguchi


A depoente Nise Yamaguchi afirmou, durante a Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da Covid-19 , nesta terça-feira (1º), que médicos favoráveis ao tratamento precoce contra a Covid-19 foram “perseguidos politicamente”.

“Houve uma conspiração política, múltiplas ações contra o tratamento precoce. Houve perseguição de médicos que estavam prescrevendo os medicamentos, excluindo a autonomia dos médicos. Houve sim uma perseguição política”, declarou.

Os senadores reagiram à fala da médica favorável ao tratamento precoce . A Comissão cogitou finalizar a sessão para que a oncologista fosse reconvocada como testemunha .


O relator da CPI, Renan Calheiros (MDB-AL), questionou Nise ao reproduzir um vídeo em que a médica dizia “não ser necessário vacinar aleatoriamente a população, dizendo que a única saída é a vacinação porque há tratamento precoce para Covid-19”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários