Eduardo Bolsonaro foi alvo de críticas por exaltar a decisão do Congresso
Divulgação @AsambleaSV e Wikimedia Commons
Eduardo Bolsonaro foi alvo de críticas por exaltar a decisão do Congresso

O Congresso de El Salvador , ocorrido na noite do último sábado (1), destituiu cinco juízes da Suprema Corte. Recentemente, os magistrados tomaram decisões que não agradaram o presidente do país, Nayib Bukele, de direita. O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) exaltou a decisão e recebeu críticas nas redes sociais, inclusive do ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ) .

Na justificativa, os magistrados receberam acusações de "converter a Corte num superpoder" por invalidar medidas do governo relacionadas ao combate da pandemia de Covid-19 . "A Câmara Constitucional declarou inconstitucional os regulamentos legitimamente instituídos, em relação à contenção da pandemia. Os magistrados têm gerado, com seus pronunciamentos e sentenças arbitrárias, uma fraude a Constituição", escreveu a Assembleia Legislativa de El Salvador.

Após a decisão, os novos juízes e procurador-geral – que também foi removido do cargo – foram nomeados, sendo que todos são alinhados ao posicionamento de Bukele. Eles tomaram posse no domingo (2).

Além disso, o governo também usou o Exército para garantir o cumprimento das regras sanitárias contra a Covid-19 e criou centros de confinamento, em que as pessoas devem ficar por um tempo indeterminado e sem receber os cuidados necessários. Devido a essa última medida, Burkele foi acusado por organismos internacionais de violação dos direitos humanos.

De acordo com o Conjur , no entanto, essa não foi a primeira vez que o mandatário 'atropelou' outros poderes do país e, segundo o diretor para as Américas da Human Rights Watch, José Miguel Vivanco, Burkele "rompe com o Estado de Direito e busca concentrar todo o poder em suas mãos".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários