Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG)
Jefferson Rudy/Agência Senado
Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG)

O presidente do Senado Rodrigo Pacheco (DEM-MG) usou as redes sociais nesta quarta-feira (17) para comentar a  prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ).

Pacheco pondera que as acusações feitas por Silveira, pedindo o fechamento do Supremo Tribunal Federal ( STF ) e atacando seus ministros é “atentar contra a democracia” e avalia sendo “gravíssimo”.

Por outro lado, o senador afirma que prender e manter a decisão, como fez o supremo nesta quarta (17) por unanimidade, “deve continuar a ser tratado como grave excessão”.

Confira os tuítes de Rodrigo Pacheco:


Apesar dos 11 ministros do Supremo decidirem pela manutenção da prisão de Daniel Silveira, cabe a Câmara votar o caso, para decidir sobre uma eventual soltura. No Twitter, Arthur Lira , presidente da Casa, afirmou que a vontade do plenário “é soberana”


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários