Presidente Jair Bolsonaro em transmissão ao vivo nesta quinta-feira (28)
Reprodução/Youtube
Presidente Jair Bolsonaro em transmissão ao vivo nesta quinta-feira (28)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) creditou nesta quinta-feira (28) o aumento de casos de contaminações pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2) aos prefeitos e governadores que decretaram medidas de restrição de circulação durante a pandemia .

Sem citar provas, Bolsonaro disse que a maior quantidade de contaminações acontece dentro das casas das pessoas e disse ainda que as autoridades também poderiam ser as responsáveis pelo aumento de casos de suicídio em decorrência do isolamento social.

"Antes de fazer qualquer coisa, se coloque no lugar de outras pessoas. Os governadores e prefeitos devem fazer isso. Imagine o cara que ter que ver a esposa e as crianças sem ter o que comer. Como esses caras vão viver? O aumento dos números de suicídios também. Essa conta vai ser alta. Governadores e prefeitos são responsáveis pelo aumento do número contaminações. O maior número de contaminações acontece dentro de casa", afirmou o presidente.

Na semana passada, o estado de São Paulo fez todas as regiões regredirem no Plano SP de contingência da Covid-19 e ainda endureceu as regras para os períodos noturno e os finais de semana. A partir de segunda (25), o estado todo passou a voltar fase vermelha das 20h às 6h e durante o dia todo aos sábados e domingos. Nessa fase, somente é permitida a abertura de serviços essenciais, como farmácias e supermercados.

Essa medida, de acordo com os especialistas do centro de contingência estadual, foi tomada por conta do aumento de casos de Covid-19 em decorrência das festas de final de ano. A previsão era que os encontros para as comemorações de Natal e Ano Novo teriam reflexo a partir do dia 20 de janeiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários