.
Pedro França/Agência Senado
Prefeito de Manaus usou as redes sociais para fazer pedido


Em um vídeo postado nas redes sociais na tarde desta quinta-feira (14), o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio pede o  impeachment do governador do Amazonas, em decorrência da crise vivida pelo sistema público de saúde causada pela pandemia de Covid-19

O prefeito inicia o vídeo dizendo que " vinte e oito pessoas mortas por falta de oxigênio só no Pronto Socorro 28 de agosto. Não vejo faltar oxigênio em nenhum outro lugar, mas falta em Manaus, falta no Amazonas".

Você viu?


Na metade da gravação, ele cita o pedido de impeachment. "Eu gostaria de falar diretamente ao governador [Wilson Lima] que do senhor basta! A assembleia [legislativa] precisa tomar uma atitude maiúscula e partir para o seu impeachment. O senhor levará o Amazonas do mal para o pior ."

Ao fim do vídeo, o prefeito compara a postura do governador a de Hitler . "O senhor é o pior governador que esse Estado já teve. O senhor está praticando assassinado à la Hitler, tipo câmara de gás, assassinado por asfixia. O mais doloroso, o mais cruel, o mais perverso".


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários