Ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, secretário de Vigilância em Saúde Arnaldo Medeiros
Tony Winston/MS
Ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, secretário de Vigilância em Saúde Arnaldo Medeiros

O secretário de vigilância em Saúde do Ministério da Saúde , Arnaldo Correia de Medeiros, disse que uma jornalista era "um porre" após a profissional ser anunciada que faria uma pergunta na entrevista coletiva feita do evento de lançamento oficial do Plano Nacional de Imunização (PNI) da pasta contra a Covid-19 . Medeiros fez o comentário após não perceber que se microfone estava aberto.

Junto ao secretário estavam o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, e o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Élcio Franco. "Afe, essa daí é chata, viu? Essa é um porre", cochichou Medeiros após a equipe de comunicação anunciar que a repórter Valquíria Homero, do Poder360, faria um questionamento.

De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério da Saúde, Medeiros não referia à jornalista quando disse essas palavras. A reação do secretário teria sido por conta de uma mensagem que ele recebeu no celular momentos antes do anúncio da pergunta.

Antes do comentário do secretário, outra pergunta tinha sido feita por outra jornalista e o general Pazuello respondeu por cerca de 7 minutos. Durante a resposta, é possível notar que Medeiros passou bons minutos mexendo no celular.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários