homem de terno e gravata
Agência Brasil
Eduardo Paes lidera pesquisa

A primeira pesquisa Ibope da eleição para a Prefeitura do Rio , divulgada na sexta-feira, mostra que Eduardo Paes (DEM) lidera a disputa entre os entrevistados, com 27% das intenções de voto. Mas outros dados importantes sobre desejos e insatisfações dos cariocas foram revelados. De acordo com os resultados, 57% dos moradores deixariam de viver na cidade, se pudessem. O problema mais grave citado por quem reside na capital, mencionado em 74% das respostas, é a saúde. Educação (45%) e Segurança Pública (37%) vêm em seguida.

O atual prefeito Marcelo Crivella (Republicanos) aparece em segundo lugar, com 12% dos votos, o que significa que ele está tecnicamente empatado com Martha Rocha (PDT), que tem 8%, e Benedita da Silva (PT), com 7%. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Dados detalhados da pesquisa consideram sexo, idade, renda, escolaridade, religião e raça. Crivella ultrapassa Paes só em dois segmentos: os evangélicos e os menos escolarizados.

Bispo licenciado da Igreja Universal, o prefeito tem 26% das intenções de votos entre os fiéis de sua religião, contra 17% de Paes. O candidato do DEM lidera entre católicos (34%, contra 8% do adversário) e adeptos de outras religiões (26%, diante de 5% de Crivella).

Já considerando grau de escolaridade, entre os entrevistados que possuem só o Ensino Fundamental completo, Crivella tem 20% da preferência e Paes, 17%. Entre os mais escolarizados, a situação se inverte a favor do ex-prefeito. Dos que têm diploma do Ensino Médio, 25% preferem Paes, enquanto 13% pretendem votar em Crivella. No ensino superior, o atual prefeito tem outra concorrente além de Paes, líder com 34%: Martha Rocha reúne 11% dos mais escolarizados, enquanto Crivella mobiliza 7% das intenções deles e é rejeitado por 67% desse segmento.

No recorte por renda familiar, por sua vez, Paes tem mais intenções que os adversários em todos os segmentos salariais. Ao todo, entre as famílias que ganham até um salário mínimo, a intenção de voto no candidato do DEM é de 20%.

Nos dados gerais, é de 57% o índice de entrevistados que não votariam no atual prefeito de jeito nenhum. Clarissa Garotinho, do PROS, foi mencionada da mesma maneira em 38% das respostas sobre rejeição.

O Ibope entrevistou 805 eleitores entre quarta e sexta-feira desta semana.


    Veja Também

      Mostrar mais