Flordelis
Reprodução/Instagram
Pastora Flordelis é apontada como mandante da morte do marido, Anderson do Carmo

A deputada federal  Flordelis dos Santos de Souza (RJ) continua nos grupos de WhatsApp e integra reuniões virtuais do Partido Social Democrático (PSD), mesmo após ter sido suspensa. As informações são do portal de notícias Metrópoles.

Flordelis é apontada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) como a mandante do crime que matou o marido, pastor Anderson do Carmo.

O crime aconteceu em abril de 2019. Até o momento, Flordelis não foi presa porque possui imunidade parlamentar.

Apesar da suspensão do PSD, não existe um processo de expulsão em andamento contra ela. O que significa que Flordelis teve as atividades parlamentares paralisadas. 

    Veja Também

      Mostrar mais