Presidente Jair Bolsonaro
Reprodução: iG Minas Gerais
Presidente Jair Bolsonaro


O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta quarta-feira (16), que há " críticas desproporcionais " em relação às queimadas na Amazônia e no Pantanal. Segundo ele, a "Califórnia está ardendo em fogo" e a "África tem mais foco que no Brasil".


"Tem críticas desproporcionais à Amazônia e ao Pantanal, né. Califórnia está ardendo em fogo. A África tem mais foco que no Brasil", disse na porta do Palácio da Alvorada a apoiadores.

Você viu?

"Agora, pega fogo . O índio toca fogo, o caboclo. Tem a geração espontânea. No Pantanal, 43 graus a temperatura média. No ano passado, quase não pegou fogo. Sobrou uma massa enorme de vegetais mortos para isso que está acontecendo agora", acrescentou.

O presidente afirmou que o governo tentou resolver a questão com o projeto de regularização fundiária, mas, segundo ele, organizações não governamentais (ONGs) colocaram "laranjas" em terras brasileiras, dificultando a aprovação do projeto. Ele não apresentou provas sobre essa alegação.

"Nós tentamos, com a regularização fundiária, resolver essa questão. Tem muita terra que a ONG botou laranja aqui, então o lobby é enorme para você não fazer a regularização também", comentou.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários