Bolsonaro ao lado de Arthur Weintraub
reprodução / Twitter
"Conversei com o presidente desde o começo", afirma Arthur Weintraub

Arthur Weintraub deixará o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para assumir novo posto na Organização dos Estados Americanos (OEA). O irmão de  Abraham Weintrab  ocupava o cargo de assessor-chefe adjunto da Assessoria Especial da Presidência.

Weintraub se despediu de Bolsonaro em um vídeo publicado em suas redes sociais: “Foi uma honra ter trabalhado com o senhor. Estou indo para a OEA, um cargo na área do Direito, conversei com o presidente desde o começo”, afirma.

Segundo Arthur Weintraub, não é um adeus, e sim, um até logo. O presidente Jair Bolsonaro garantiu que as portas do governo estarão sempre abertas para ele.

“Dois anos antes das eleições, o Arthur e seu irmão acreditaram na gente, fizeram uma viagem ao Japão, Coréia do Sul e Taiwan e também conversamos muito. Num momento em que quase ninguém acreditava na gente”, relembrou o presidente.

“Quando quiser retornar, as portas estão abertas”, reiterou.

Abraham Weintraub, seu irmão, também deixou o cargo no governo federal para ocupar um posto em uma instituição internacional. Antes ministro da Educação, Weintraub está agora no Banco Mundial.

    Veja Também

      Mostrar mais