Weintraub
Marcos Corrêa/PR
Durante o depoimento, Weintraub não respondeu às perguntas.

O Ministro da Educação , Abraham Weintraub, ficou em silêncio e não respondeu à perguntas durante depoimento prestado à Polícia Federal (PF) na tarde desta sexta-feira (29). Interrogatório faz parte do inquérito das fake news e foi realizado por ordem do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia também: 'Odeio o termo povos indígenas', diz Weintraub em reunião ministerial

O objetivo do depoimento de Weintraub era esclarecer a afirmação feita pelo ministro na reunião ministerial do dia 22 de abril. Na ocasião, Weintraub disse que " botava esses vagabundos todos na cadeia, começando no STF ".

O governo tentou impedir a realização do depoimento. O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça , chegou a entrar com um pedido de habeas corpus preventivo para suspender o interrogatório. 

    Veja Também

      Mostrar mais