Nesta quinta-feira (21), o senador José Serra (PSDB-SP) apresentou um projeto de decreto legislativo para suspender o novo protocolo para aplicação da cloroquina e da hidroxicloroquina em todos os casos de infectados pelo novo coronavírus (Sars-coV-2), causador da Covid-19

Leia também: Covid-19: Brasil registra mais de mil mortes em 24 horas; total vai a 17,9 mil

José Serra (PSDB) foi eleito por São Paulo
Jessika Lima/AIG-MRE
José Serra (PSDB) foi eleito por São Paulo

Leia também: Enfermeiro choca ao mostrar efeitos do tratamento de Covid-19

"Apresentei um projeto de decreto legislativo para sustar o novo protocolo do Ministério da Saúde que recomenda uso precoce da cloroquina em pacientes com Covid-19 , enquanto não houver estudos científicos que comprovem sua eficácia. O presidente não deveria fazer uso político de algo tão sério", escreveu Serra em seu perfil no Twitter.


O protocolo divulgado, na última quarta-feira (20), pelo Ministério da Saúde, sugere a combinação dos dois medicamentos com azitromicina e é uma orientação para a rede pública de saúde.

Leia também: Médico adia aposentadoria para atuar na pandemia e morre de Covid-19

O uso da cloroquina é defendido pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e foi o principal ponto de divergência com o ex-ministro da Saúde Nelson Teich , que deixou o cargo na última semana. Em contraste, a Organização Mundial da Saúde (OMS), não recomenda a utilização do mesmo para o tratamento de pacientes com a Covid-19 .

    Veja Também

      Mostrar mais