Jair Bolsonaro e Davi Alcolumbre
Marcos Corrêa/PR
Jair Bolsonaro e Davi Alcolumbre

O presidente do Senado Federal e do Congresso Nacional, Davi Alcolumbre (DEM-AP) afirmou, nesta segunda-feira (6) em conversa reservada com aliados, que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) age como se fosse um motorista de caminhão em alta velocidade na direção de um muro que, mesmo alertado de que bateria, não freia .

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

A fala de Alcolumbre se refere aos conflitos de Bolsonaro com o ministro da Saúde , Luiz Henrique Mandetta (DEM) e foi divulgada nesta terça (7) pela coluna Painel, da Folha de S. Paulo .

Na tarde desta segunda (6), diversos jornais divulgaram que o presidente estava analisando demitir o ministro na própria segunda. Bolsonaro chegou a conversar com possíveis opções para substituir Mandetta. Mas devido à reação da população e de políticos contra a saída do ministro, Bolsonaro voltou atrás e manteve o democrata em seu cargo.

Leia também: De gripezinha a "não é tudo isso": vezes em que Bolsonaro minimizou coronavírus

A ação de Bolsonaro, de ameaçar demitir ministros e depois desistir, no entanto, foi encarada por atores políticos, como Alcolumbre , como desgastante e passou a imagem de fraqueza do presidente, segundo a coluna.

    Veja Também

      Mostrar mais