Roberto Kalil Filho e Lula
Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Roberto Kalil Filho e Lula em 2011

O médico cardiologista do InCor e do Hospital Sírio Libanês Roberto Kalil Filho, que tem entre seus pacientes os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Michel Temer (MDB) e D​ilma Rousseff (PT), se afastou de suas atividades e está em isolamento por suspeita de coronavírus. 

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

Ele amanheceu nesta segunda-feira (30) com febre e tosse e realizou o exame para verificar se está com coronavírus . O resultado deve sair nesta terça (31). “Como precisa ser feito, respeito o isolamento. Estou bem. Apesar de isolado, sigo com o trabalho”, afirmou o médico de Lula à coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo

Roberto Kalil  Filho teve contato, na semana passada, com o gastroenterologista Raul Cutait, médico do prefeito de São Paulo Bruno Covas (PSDB), que está internado no Hospital Sírio-Libanês com Covid-19.

Leia também: De gripezinha a "não é tudo isso": vezes em que Bolsonaro minimizou coronavírus

“Caso meu exame seja positivo, espero ficar bem logo para retomar o mais rápido possível minhas atividades no InCor, no Hospital Sírio-Libanês e no consultório”, completou o médico de Lula .

    Leia tudo sobre: LULA

    Veja Também

      Mostrar mais