Presidente Jair Bolsonaro
Jorge William / Agência O Globo
Presidente Jair Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro criticou os governadores do Nordeste nesta segunda-feira (3) por não terem aderido ao programa de escolas cívico-militares do governo. A declaração foi feita durante o lançamento da pedra fundamental do futuro colégio militar de São Paulo, na zona norte da cidade. 

Leia também: Bolsonaro fala sobre mudanças e diz que "melhor reforma é a aprovada"

"Oito dos nove governadores do Nordeste não aceitaram a escola cívico-militar. Para eles a educação está indo muito bem formando militantes e desinformando, lamentavelmente", afirmou Bolsonaro. "Aqui no Sudeste, dois governadores não aceitaram. A questão político-partidária não pode estar à frente das necessidades do País", completou. 

O único estado do Nordeste que aderiu ao projeto foi o Ceará. Maranhão, Rio de Janeiro, Piauí, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Paraíba, Sergipe, Alagoas, Espírito Santo e Bahia. 

    Veja Também

      Mostrar mais