Lula arrow-options
Reprodução/Twitter
Flávio Dino e Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, nesta terça-feira (28), que o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), não vai voltar para o PT.  A declaração ocorreu após uma matéria do jornal O Globo , que informou que Dino  poderia ser candidato pelo partido em 2022.

Leia também: MPF pede que chefe da Secom seja investigado por corrupção e peculato

De acordo com o jornal, Lula teria dito ao governador para que "voltasse para casa", seu antigo partido.  O ex-presidente, no entanto, afirmou em sua conta do Twitter que não convidaria Flávio Dino para se filiar a sigla por respeito a ele, ao PCdoB e a Fernando Haddad, provável candidato do PT às eleições de 2022. 

"Pelo profundo respeito que eu tenho pelo PCdoB, pelo PT, pelo @FlavioDino e pelo @Haddad_Fernando, jamais convidaria um membro do PCdoB para se filiar ao PT ", escreveu Lula. 


    Leia tudo sobre: Lula

    Veja Também

      Mostrar mais