Tamanho do texto

Durante uma reunião com parlamentares, presidente afirmou que preferia ter o deputado "príncipe" Luiz Philippe de Orleans e Bragança no cargo

Bolsonaro arrow-options
Marcos Corrêa/PR -3.7.19
Presidente Jair Bolsonaro abraça o vice-presidente Hamilton Mourão

O presidente Jair Bolsonaro mostrou arrependimento em ter escolhido o general Hamilton Mourão como seu vice durante uma reunião com deputados nesta terça-feira (12), de acordo com a coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo

Leia também: Frota "insinua" que recebe fotos dele nu enviadas por Bolsonaro

Bolsonaro afirmou que preferia ter o deputado "príncipe" Luiz Philippe de Orleans e Bragança no cargo. “Príncipe, estou te devendo eternamente”, disse. O parlamentar, então, respondeu: “O que é isso. Deve nada, presidente!”

“Devo sim. Você deveria ter sido meu vice, e não esse Mourão aí. Eu casei, casei errado. E agora não tem mais como voltar atrás”, completou Bolsonaro. 

Bragança, por sua vez, afirmou ao jornal que se sentiu "aliviado" por não ter sido escolhido como vice. “Basicamente ele reconheceu publicamente o que estava nos bastidores. Eu entendo que no mundo político há muitas artimanhas, conspirações. Bolsonaro não precisava de mim para ganhar a eleição. Precisava de alguém que fosse simplesmente leal. Na época, até fiquei aliviado porque ele me liberou para fazer outras coisas", disse.