David Miranda
Reprodução/Facebook David Miranda
David Miranda

O deputado federal David Miranda (PSOL-RJ) rebateu, nesta terça-feira (5), a declaração de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que afirmou que a homofobia "só existe para acusar o presidente e a direita". 

Leia também: Lula livre vai causar ‘confronto com forças bolsonaristas’, diz Doria

Em sua conta do Twitter, David Miranda criticou a fala do filho do presidente e afirmou que o preconceito contra a população LGBT é ratificado pela política de Bolsonaro. "Eduardo afirmou que o termo 'homofobia' só existe para acusar o seu pai, o pres. Jair Bolsonaro. Não, deputado, o termo existe pois todos os dias os nossos são mortos, discriminados, colocados pra fora de casa. Isso tudo ratificado pela política de vocês!", escreveu. 

Você viu?



Em entrevista ao canal da jornalista Leda Nagle, Eduardo afirmou que antigamente a palavra homofobia não existia e que hoje é usada para acusar o presidente. O parlamentar também criticou o movimento negro que, segundo ele, só serve para defender partidos políticos. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários