Senadora Kátia Abreu
Marcos Oliveira/Agência Senado - 29.4.16
Senadora Kátia Abreu



O presidente do  PDT  , Carlos Lupi , disse que abrirá um processo na  Comissão de Ética  do partido contra a senadora  Kátia Abreu  (PDT-TO) caso a parlamentar vote a favor da Reforma da Previdência no segundo turno do pleito no Senado . A declaração foi feita pelas redes sociais de Lupi, na noite da última segunda-feira, quase uma semana depois da votação que aprovou o texto-base da proposta na Casa. Na ocasião, Kátia foi a única dos quatro senadores representantes da legenda que votou "sim" para o projeto de mudanças de aposentadoria.

Leia também: STF torna líder do PP na Câmara réu por corrupção passiva

"Muitos têm me questionado, enquanto Presidente do PDT, sobre o que será feito com a senadora Kátia Abreu . Se ela votar a favor do texto-base da Reforma da Previdência no segundo turno, a Executiva Nacional se reunirá para abrir o processo na Comissão de Ética", disse Lupi no Twitter.

A declaração de Lupi vai em encontro à punição dos parlamentares que foram contra a orientação da legenda na votação que aprovou a reforma na Câmara ; oito deputados federais, entre eles  Tábata Amaral  (SP), foram punidos por votarem a favor da proposta . Um processo no Comitê de Ética do partido foi aberto contra eles — a ação, porém, não deve terminar antes de novembro ou dezembro.

Leia também: Suspensão do uso de radares em rodovias federais no país? Veja decisão!

Um dia depois da votação no Senado, Tábata parabenizou Kátia  por não "se deixar levar pela lógica eleitoreira e pela polarização cega". A deputada está afastada da agenda do PDT desde a abertura do processo, em julho.

Inicialmente, Carlos Lupi chegou a falar sobre uma possível expulsão dos parlamentares que foram contrários a orientação do partido, crítico à Reforma da Previdência proposta pelo governo. Depois, Lupi  adotou uma posição mais cautelosa sobre as punições. A decisão final será do Diretório Nacional da legenda.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários