Tamanho do texto

Ao lado de promotores do Ministério Público, agentes cumprem mandados em quatro locais ligados a parlamentar no Rio de Janeiro e em Brasília

Flordelis arrow-options
Divulgação/Flordelis
Endereços de Flordelis são alvos de investigação da polícia nesta terça-feira

Agentes da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) fazem, na manhã desta terça-feira (17), busca e apreensão na casa da deputada federal Flordelis (PSD). A polícia também está Brasília e em um escritório da parlamentar, no Centro do Rio. Uma equipe de promotores do Ministério Público estadual (MPRJ) acompanha o trabalho de perto.

Leia também: Menino que gravou adeus para mãe antes de morrer já tinha sido vítima do pai

A morte do pastor Anderson do Carmo, marido de Flordelis , completou três meses no último domingo (15). O líder religioso foi morto na garagem de casa, em Pendotiba, Niterói, na Região Metropolitana do estado.

Dois filhos do casal respondem pela morte do pai. Flávio Rodrigues dos Santos e Lucas César dos Santos de Souza estão presos em Bangu 9, no Complexo de Gericinó, na Zona Oeste do Rio.

A titular da DHNSG, a delegada Bárbara Lomba, marcou para o próximo sábado a reprodução simulada do assassinato do pastor. Flordelis e alguns filhos que estavam na casa ano dia do crime e foram intimados a participar da reconstituição.

Leia também: "Jamais apoiei ou fiz empenho pelo golpe", diz Temer sobre impeachment de Dilma