Conversa com governadores nesta terça-feira vai definir uso de militares na região
Alan Santos/PR
Conversa com governadores nesta terça-feira vai definir uso de militares na região

O presidente Jair Bolsonaro tem em sua agenda desta terça-feira (27) uma importante reunião para tratar sobre o problema das queimadas na Floresta Amazônica. A partir das 10h (horário de Brasília), ele conversa com os governadores da 'Amazônia Legal' e deve definir o uso de tropas das Forças Armadas na região.

Leia também: Com dívida de R$ 98,5 bi, Odebrecht divulga plano de recuperação

O encontro de Bolsonaro será com os governadores que compõem o grupo: Acre, Amapá,  Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Mato Grosso e Maranhão. Todos já pediram o auxílio militar para lidar com o problema, ponto que deve ser definido ao longo da reunião.

Nesta segunda-feira (26), o presidente se reuniu com os ministros  da Defesa (Fernando Azevedo), Justiça (Sergio Moro), Relações Exteriores (Ernesto Araújo), Casa Civil (Onyx Lorenzoni), Secretaria de Governo (Luiz Eduardo Ramos), além do porta-voz, Otávio Rêgo Barros, para fazer um balanço da questão.

Após a reunião, Fernando Azevedo disse a jornalistas que a situação não é “simples”, mas que o governo agiu rapidamente e que houve uma redução dos focos de incêndio na região. “É difícil? É, mas nós estamos em cima. Não está fora de controle”, disse.

Leia também: Serial Killer? Homem que enforcou servidora confessa outro crime

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários