Tamanho do texto

Partido alega que José Hilton, de Uruburetama, feriu o código de ética da sigla e, por isso, não pode seguir

José Hilton arrow-options
Divulgação/Prefeitura de Uruburetama
Prefeito José Hilton foi expulso do PCdoB após acusação de estupro


O prefeito de Uruburetama, José Hilton, foi expulso do PCdoB nesta segunda-feira (15) com a alegação que o político feriu o código de ética do partido. O político é acusado de estuprar mulheres do município e seu caso se tornou público no último domingo, em reportagem do programa Fantástico, da Rede Globo .

Leia também: Mais de 60 vídeos mostram que médico e prefeito no Ceará estuprava pacientes

José Hilton ainda não comentou a decisão do PCdoB. O prefeito também deve enfrentar processo na Câmara de Vereadores, que avaliam impeachment do   médico.

Leia a carta do PCdoB anunciando a expulsão:

*Comissão Política do PCdoB Ceará decide pela expulsão do Dr. José Hilson*

Frente às denúncias veiculadas através das mídias, relativas à conduta ética do médico e prefeito de Uruburetama José Hilson de Paiva, filiado ao PCdoB a partir de setembro de 2015, o Partido Comunista do Brasil – Ceará esclarece aos seus filiados e à população o seguinte:

1-      Nos seus 97 anos de existência, o PCdoB sempre se pautou por concepções e princípios éticos condizentes com o que fundamenta o comportamento da maioria dos trabalhadores brasileiros. Dessa forma, repudia os atos que afrontam a dignidade humana cometidos por José Hilson;

2-     Considerando a gravidade dos fatos, a Comissão Política Estadual, em reunião extraordinária, decidiu nos termos do artigo 39, parágrafo 6º do Estatuto do PCdoB, pela expulsão de José Hilson de Paiva de suas fileiras, observando-se os trâmites partidários.

A Comissão Política do PCdoB/Ceará

15 de julho de 2019.