Tamanho do texto

Ex-presidente da Câmara dos Deputados, que está encarcerado em Bangu, se apresentou para apitar as partidas, mas acabou rejeitado pelo criminosos

Cunha arrow-options
Reprodução
Presos vetaram Cunha como juiz em campeonato interno de futebol

Preso na penitenciária de Bangu, o ex-presidente da Câmara do Deputados, Eduardo Cunha, se apresentou para ser juiz no campeonato de futebol dos internos, mas acabou sendo rejeitado. De acordo com o colunista Lauro Jardim, os detentos não aceitaram a presença do político alegando que não acreditavam na sua lisura para apitar as partidas.

Leia também: 'Sem cacife'? Com pai preso na Lava Jato, filha de Cunha ostenta viagem de luxo

Na Lava Jato, Eduardo Cunha  foi condenado por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas ligados à compra, pela Petrobras, de um campo de petróleo em Benin, na África, em 2011. O ex-deputado também já foi condenado, em primeira instância, em ação penal ligada a crimes ocorridos no âmbito da Caixa Econômica Federal, em Brasília, pela Justiça Federal do DF.

    Leia tudo sobre: Futebol