Tamanho do texto

Presidente disse, durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais, que as crianças beneficiárias do programa tem menor desenvolvimento intelectual

Declaração de Jair Bolsonaro sobre o Bolsa Família gerou revolta na internet
Isac Nóbrega/PR
Declaração de Jair Bolsonaro sobre o Bolsa Família gerou revolta na internet

O presidente Jair Bolsonaro se envolveu em mais uma polêmica. Uma declaração dada pelo capitão da reserva sobre beneficiários do programa Bolsa Família durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais na última segunda-feira (18) viralizou e gerou revolta.

Leia também: Bolsa Família terá pagamento de 13º em dezembro, confirma ministro da Cidadania

De acordo com Bolsonaro, uma pesquisa desenvolvida pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra, constatou que crianças de 0 a 3 anos que fazem parte do Bolsa Família tem desenvolvimento intelectual muito inferior à média mundial.

"Ele [ Osmar Terra ] fez um levantamento com 3 mil família que recebem Bolsa Família. Pegou a garotada de 0 a 3 anos e acompanhou por algum tempo. Chegou-se a conclusão que o desenvovimento desses 'filhos do Bolsa Família' chegou a um terço da média mundial", disse o presidente.

Confira o trecho:

A declaração acabou ganhando tração nas redes sociais nesta quarta-feira (20) e gerou críticas de opositores do presidente. " Bolsonaro deprecia filhos de beneficiários do Bolsa Família, dizendo que eles são intelectualmente inferiores. Uma afronta à dignidade dessas família", escreveu o senador Randolfe Rodrigues.

Já a deputada federal Maria do Rosário disse que há "farta evidência científica provando o contrário: o Bolsa Família reduz 58% a mortalidade infantil por desnutrição e impacta o desenvolvimento integral da criança."

Também foi compartilhado um estudo feito pelo governo em 2013, que afirma que alunos que recebem o Bolsa Família têm média de aprovação acima da média.

Leia também: Ministro confirma 13º do Bolsa Família e diz que medida custará R$ 2,5 bilhões

A fala do presidente não desagradou apenas os opositores. Nas redes sociais, muitas pessoas que se apresentaram como beneficiárias do programa também se ofenderam com a declaração de Bolsonaro.











A polêmica é apenas mais uma que o presidente se envolveu desde que assumiu o mandato. Por conta do desgaste, Bolsonaro viu sua aprovação despencar no mês de março. A pesquisa Ipobe divulgada na última quarta-feira (20), revelou que 34% dos brasileiros consideram o governo ótimo ou bom, enquanto 24 % consideram o mandato ruim ou péssimo. O candidato do PSL venceu a eleição com 55% dos votos válidos.

Governo Bolsonaro vai ampliar o Bolsa Família

Osmar Terra, confirmou o pagamento do 13º do Bolsa Família já em 2019
Reprodução/Flickr
Osmar Terra, confirmou o pagamento do 13º do Bolsa Família já em 2019

Apesar da fala polêmica sobre o programa, o governo de Bolsonaro tinha, como uma de suas metas na campanha, adicionar um 13º pagamento anual no Bolsa Família. Segundo o ministro Osmar Terra, citado por Bolsonaro no vídeo, a promessa será cumprida já neste ano.

O custo estimado da adoção da medida é de R$ 2,5 bilhões em 2019, e o ministro da Cidadania diz que “Está tudo certo, estamos negociando com o ministro [da Economia] Paulo Guedes. Uma parte virá do Orçamento, que será revisto, e a outra parte, menor, virá do pente-fino [no programa  Bolsa Família ] que a gente quer aprofundar”, afirmou Terra.