Tamanho do texto

Candidatos à Presidência votam logo pela manhã; Marina vota em Rio Branco e o colégio eleitoral de Geraldo Alckmin fica no Morumbi, em SP

Principais candidatos às eleições 2018, Bolsonaro (PSL), Haddad (PT) e Ciro (PDT) já votaram pela manhã
Reprodução
Principais candidatos às eleições 2018, Bolsonaro (PSL), Haddad (PT) e Ciro (PDT) já votaram pela manhã

Os candidatos presidenciáveis aproveitam a manhã deste domingo (7) para depositarem, logo cedo, na urna eletrônica os seus votos para as eleições 2018. Enquanto o líder nas pesquisas e candidato à Presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, chegou perto das 9h em um colégio eleitoral da zona oeste do Rio de Janeiro, o segundo lugar nos levantamentos, Fernando Haddad (PT), foi votar por volta das 9h50.

Leia também: Eleições 2018: mais de 147 milhões vão às urnas hoje pelo futuro do País

Bolsonaro votou pelas eleições 2018  nas primeiras horas do pleito deste domingo. Ele foi aguardado por eleitores apoiadores e pela imprensa na porta da Escola Municipal Rosa da Fonseca, na zona oeste do Rio de Janeiro, na Vila Militar. Após o voto, o candidato do PSL falou rapidamente com a imprensa.

Aos jornalistas, o presidenciável afirmou que está confiante em um resultado favorável a si neste domingo, e disse que acredita em uma vitória já no primeiro turno. Ele disse também que acompanhará a apuração dos votos em casa, com a família. 

Leia também: Candidatos ao governo de SP começam a votar: “Hoje quem fala é o povo”, diz Skaf

Por sua vez, Fernando Haddad se reuniu com lideranças petistas no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, para um café da manhã, perto das 8h. Na sequência, o presidenciável petista seguiu para a Brazilian International School, no bairro Indianópolis, na capital paulista, onde votou cerca de 50 minutos depois de Bolsonaro. 

Por volta das 9h30, o candidato Ciro Gomes (PDT), que aparece em terceiro nas pesquisas de intenções de voto entre os presidenciáveis , votou em Fortaleza. Acompanhado da neta Maria Clara, o candidato pegou a criança no colo e disse:"vovô vai votar para fazer um Brasil melhor para você, ok?".

Marina Silva, candidata da Rede, já estava no Acre neste sábado (6). Ela vota em um colégio de Rio Branco. Já o tucano Geraldo Alckmin, que vota em um colégio do Morumbi, zona oeste da capital paulista, também votou logo cedo, como os principais candidatos à Presidência. 

Leia também: Temer vota em SP e prega harmonia: 'Não pode haver brasileiro contra brasileiro'

O candidato Guilherme Boulos (Psol) também votou pela manhã, na PUC-SP. O presidenciável do Novo, João Amoêdo, ficou na fila para votar no Rio, esperando a sua vez – atitude que foi destacada nas redes sociais. Além deles, Henrique Meirelles (MDB) votou na escola Rio Branco, no centro de São Paulo, e já exerceu seu direito nas eleições 2018 .