Tamanho do texto

Último levantamento do instituto antes do primeiro turno das eleições 2018 revela uma intenção de votos de 32% no tucano e 30% no emedebista; veja

Em São Paulo, os candidatos a governador Doria e Skaf devem disputar o segundo turno nas eleições deste ano
Fotos públicas/reprodução
Em São Paulo, os candidatos a governador Doria e Skaf devem disputar o segundo turno nas eleições deste ano

Divulgado no início da noite deste sábado (6) – no mesmo momento que a  última pesquisa Datafolha para o governo do Estado de São Paulo – o último levantamento do Ibope antes do primeiro turno das eleições de 2018 segue os dados do outro instituto, e aponta que os candidatos João Doria (PSDB) e Paulo Skaf (MDB) devem se enfrentar no segundo turno do pleito. Isso porque Doria e Skaf aparecem consolidados na liderança da disputa.

A pesquisa, que foi encomendada pelo jornal O Estado de S.Paulo e pela TV Globo , mostra o candidato tucano com 32% dos votos válidos, ante 30% do emedebista. O resultado é considerado empate técnico entre Doria e Skaf , dada a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos. Os votos válidos são aqueles contabilizados depois dos brancos e nulos serem descartados.

Ainda segundo o instituto, o atual governador do Estado, Márcio França (PSB), aparece com 18% dos votos válidos, parando de crescer desde a última pesquisa. Em quarto lugar, aparece o candidato Luiz Marinho (PT), com 8%, em quinto está o Major Costa e Silva (DC), com 4%, e, em sexto, a Professora Lisete (PSOL), com 2%.

Leia também: Por que as pesquisas eleitorais não antecipam o resultado das urnas?

Os candidatos Marcelo Candido (PDT), Rodrigo Tavares (PRTB), Rogerio Chequer (Novo), Lilian Miranda (PCO) e Toninho Ferreira (PSTU) pontuaram 1% cada. E o Prof. Claudio Fernando (PMN) foi o único que não pontuou na pesquisa Ibope .

A pesquisa foi realizada entre os dias 4 e 6 de outubro de 2018. Foram entrevistados 2.002 eleitores no Estado. A margem de erro estimada é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. Além disso, o nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.

Este levantamento das eleições 2018 está registrado no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) sob o protocolo SP-08795/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o protocolo BR-BR-04524/2018.

Leia também: Ibope em São Paulo: João Doria volta para liderança, seguido por Paulo Skaf

De acordo com essa pesquisa, nos votos totais, considerando os brancos e nulos, Doria tem 26%, o que representa dois pontos percentuais a mais que na pesquisa anterior. Skaf, por sua vez, aparece com 24%, sendo que tinha 21% no último levantamento. 

França ficou estagnado com 14%, enquanto Marinho oscilou de 8% para 6%. Os demais candidatos não passaram de 3%. Brancos e nulos somam 11%, enquanto 9% não sabem ou não responderam.

Já nas simulações de um segundo turno, Doria e Skaf empatam no limite da margem de erro. Skaf pontua 41%, contra 37% de Doria — com a margem, os dois poderiam chegar a 39%. Contra França, Doria também ficaria empatado, mas neste caso com vantagem tucana: 40% contra 36%.