Tamanho do texto

Apesar da definição da chapa, sigla mantém aberta a possibilidade de compor com o PT; partido tem até o dia 15 de agosto para registrar a candidatura

Candidata à Presidência foi oficializada pelo PC do B na quarta-feira; vice de Manuela D’Ávilla foi definido neste domingo
Reprodução/Twitter Manuela D'Ávila
Candidata à Presidência foi oficializada pelo PC do B na quarta-feira; vice de Manuela D’Ávilla foi definido neste domingo

O PCdoB escolheu o sindicalista Adilson Araújo, presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), para vice de  Manuela D'Ávila na disputa pela Presidência da República. Segundo o jornal Estado de S. Paulo , o partido decidiu manter a candidatura da deputada estadual gaúcha.

O partido deve formalizar a escolha do vice de Manuela D'Ávila  ainda neste domingo (5), após uma reunião do comitê central do partido, em São Paulo. Apesar da definição da chapa, dirigentes do PCdoB mantêm aberta a possibilidade de fechar acordo com o PT, se Manuela for escolhida como a vice imediata de Lula.

Membros do PT fazem no início da noite deste domingo uma reunião para definir a coligação e quem será e vice de Lula. O PCdoB apoiou o PT em todas as eleições presidenciais desde 1989.

Na última quarta-feira (1º), Manuela D'Ávila foi apresentada como candidata à Presidência pelo PCdoB em convenção, mas o partido tinha deixado em aberto a possibilidade de se aliar ao PT em uma frente de esquerda, desde que o PT cedesse a vaga de vice-presidente. 

Durante a convenção do PCdoB , Manuela foi questionada por jornalistas sobre a possibilidade de ser vice de uma chapa de esquerda ou mesmo do PT, uma vez que defendeu a "unidade da esquerda". "A nossa candidatura, desde que foi colocada em 18 de novembro, sempre defendeu a unidade do nosso campo político, fizemos um conjunto de apelos público e ainda temos algum tempo. Se surgir alguma novidade nesse sentido, seguimos entusiastas", disse.

Leia também: Dilma Rousseff é lançada como candidata ao Senado por Minas Gerais

Com a definição do vice de Manuela D'Ávila e da chapa do PCdoB, o partido tem até as 19h do dia 15 de agosto para registrar na Justiça Eleitoral os nomes escolhidos.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.