vigilante armado
Pexels / Imagem ilustrativa
Crime aconteceu em Dourados, no Mato Grosso do Sul.

Um vigilante matou a ex-mulher, atirou em duas crianças e em outras pessoas que acompanhavam os menores e depois se matou no altar de uma igreja localizada em Dourados , a 210 quilômetros de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul . O caso aconteceu na noite do domingo (12).

As vítimas estavam em frente à uma casa e o homem de 52 anos chegou ao local disparando. A esposa, de 51 anos, morreu no local, segundo a polícia. Outras quatro pessoas foram socorridas, entre elas duas crianças, de 3 e 5 anos. O estado da criança mais velha é grave.

O vigilante teria ido até outro bairro da cidade, localizado na Vila Cachoeirinha, e atirou em uma mulher de 47 anos, que ficou ferida.

A residência de um advogado também foi alvo de disparos. Em seguida, o vigilante entrou em uma igreja católica e se suicidou no altar com um tiro . O crime aconteceu no momento em que a hóstia era distribuída em um sistema de drive-thru.

    Veja Também

      Mostrar mais