Uma mulher de 57 anos foi internada em estado grave no Hospital Augusto de Oliveira Camargo, em Indaiatuba , no interior de São Paulo, depois de ter sido  incendiada durante uma festa de casamento no último domingo (1). O principal suspeito de ter cometido o crime é o companheiro da vítima.

Leia também: “Achei que fosse uma boneca”, diz PM que resgatou bebê no bueiro

Os dois eram caseiros do local, que havia sido locado para a realização do casamento . O noivo e alguns convidados da festa auxiliaram a vítima, que estava encharcada de gasolina. Segundo ele, o crime aconteceu depois que a mulher pediu para que o marido entrasse em casa e parasse de incomodar os convidados .

A Polícia da cidade encontrou o criminoso dentro de casa. O caso foi registrado na 2ª Delegacia de Defesa da Mulher de Campinas, cidade vizinha, e o homem será acusado de tentativa de feminicídio. A vítima segue internada em estado grave e aguarda transferência para um hospital especializado em queimaduras.

    Veja Também

      Mostrar mais