Delegacia em Santos arrow-options
Reprodução/Google Maps
Delegacia em Santos

Um homem de 29 anos foi preso neste sábado (18) por suspeita de cortar dedos de uma jornalista em um roubo em Santos, no litoral paulista. Durante o assalto, o homem teria tentado estuprá-la, mas ela reagiu, tendo seus dedos cortados por ele. 

Leia também: Jovem morre afogada em cachoeira após tirar selfie com amiga

A jornalista, que não teve seu nome ou idade revelados, teria saído da casa de um parente, na última quinta-feira (16), e estava com o carro estacionado, quando o homem a abordou. Segundo o depoimento do genro dela, o assaltante teria pedido para que ela a levasse até São Vicente, a cidade vizinha. 

Em vez de levá-lo, a jornalista começou a dar voltas por Santos. Durante o percurso, ele começou a tocá-la, dando sinais de uma tentativa de estupro. Segundo o UOL , ela reagiu e o assaltante, que estava com uma faca, a atacou cortando seus três dedos. O homem fugiu, levando R$2 mil e o celular da vítima.

A polícia encontrou o suspeito do crime por meio de imagens obtidas por câmeras de segurança da Prefeitura de Santos. "A Polícia Civil prendeu um homem, de 29 anos. Após analisar imagens de câmeras de segurança e oitivas de testemunhas, agentes da Delegacia de investigações Gerais (DIG), conseguiram identificar o autor do crime. Ele foi localizado no sábado (18) e preso temporariamente", afirmou a Secretária de Segurança Pública.

Leia também: Guarda de parque morre após ser agredido por pedir para grupo parar de fumar

A mulher chegou a ser levada ao hospital, recebendo alta no sábado. Segundo o jornal A Tribuna , uma pessoa próxima à ela afirmou que "houve ferimentos graves no indicador e anelar. O dedo médio está íntegro. Só foi perdido um pedaço do dedo mínimo e se tentará colocar uma prótese".

    Veja Também

      Mostrar mais