undefined
Divulgação
Evento da ABRAPAC será realizado em Congonhas

Na Semana do Aviador, a Associação Brasileira de Pilotos da Aviação Civil (ABRAPAC) promove pelo segundo ano seguido sua Jornada Aeronáutica, evento de difusão de conhecimento e integração entre pilotos e profissionais da Aviação Civil .

Leia também: Coronel da PM Ambiental Alberto Sardilli alerta para os perigos de soltar balões

Durante o evento da ABRAPAC serão realizadas palestras e dois temas primordiais serão abordados. O Coronel da Polícia Militar Ambiental do Estado de São Paulo, Alberto Sardilli vai ministrar um debate sobre o combate ao perigo baloeiro. Já o Delegado da Polícia Federal, Rubens Maleiner vai falar sobre o investigação criminal do acidente aéreo.

“É essencial esse tipo de encontro para chamar a atenção para o perigo dos balões para o tráfego aéreo em todo o País. A Polícia Militar Ambiental teve um aumento expressivo no combate desse crime de soltura e também no fechamento de fábricas. Foram apreendidos balões de até 50 metros de altura. As grandes aeronaves possuem dificuldade de notar a presença desse tipo de artefato e não conseguem fazer uma manobra rápida. Então, é muito importante a gente poder falar com os pilotos e alertar sobre esse tipo de problema. Até então, a gente se preocupava muito com a questão, mas na causa ambiental, mas é muito importante falar sobre o risco que o balão representa no ar aqui do Estado de São Paulo, para os aviões de uma forma bastante expressiva”, disse o Coronel Sardilli em entrevista ao iG.

Também vão participar do ciclo de palestras, o astronauta Marcos Pontes, o Comandante Túlio Rodrigues, Comandante Amilton Ruas e o Dr. Cláudio Federico.

O encontro  vai acontecer no próximo dia 25 de outubro (quarta-feira), das 8h às 17h, no auditório do Hotel Nobile em Congonhas, em São Paulo. A entrada é gratuita para associados da ABRAPAC, mas as vagas são limitadas. Segundo o site da associação, nesse momento, apenas pilotos poderão se inscrever. Em breve, serão abertas inscrições para público em geral.


Polícia Militar Ambiental no combate aos balões

No último mês de junho, o Portal iG teve o prazer de receber um dos principais nomes da Polícia Militar do Estado de São Paulo, o Coronel da PM Ambiental Alberto Sardilli. O Policial visitou a TViG para contar como é o trabalho dos homens e mulheres sob o seu comando e alertar para um problema grave que acontece durante o ano inteiro, a soltura de balões.

De acordo com o Coronel, a PM Ambiental tem um trabalho voltado para educação ambiental no qual é importante fixar para as crianças a importância da proteção ao meio ambiente. "A ideia que a gente tem é de esclarecer para o professor para que ele alerte os seus alunos para a questão do risco e do crime que é soltar um balão. A criança pega gosto e estimula um crime que pode vir a ser maior", disse.

Leia também: PM Ambiental recupera mais de 100 pássaros e apreende balão de 40 metros em SP

Esse ano os homens da Polícia Militar Ambiental intensificaram o combate ao crime de soltura de balões. No total, foram 87 locais fiscalizados e 177 artefatos apreendidos, além de 110 prisões de suspeitos e também apreensão de veículos usados no delito. Segundo o Coronel, um balão de 48 metros chegou a ser apreendido em Campinas . 

Assista ao vídeo da entrevista: 


Para fazer a pré-inscrição no evento da ABRAPAC,  clique e preencha o formulário.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários