cobra
Reprodução zoológico St.Louis
Cobra não tem contato com macho há 15 anos


Especialistas do zoológico de St. Louis, no estado do Missouri, Estados Unidos, buscam respostas para o fato de uma cobra píton-real , de 62 anos, ter gerado sete ovos e botado no último dia 23 de julho, mesmo com os responsáveis por cuidar do animal confirmando que ela não copula com um píton macho há pelo menos 15 anos .


A informação foi veículada no jornal St.Louis Post-Dispatch. A cobra é a mais velha em um zoológico, segundo o jornal. "Ela seria definitivamente a cobra mais velha que conhecemos na história", diz Mark Wanner, diretor herpetologia do zoológico.

A píton é identificada pelo número 361003 e e vive no zoológico desde 1961, quando foi levada por um dono privado aos 3 anos de idade. Nos quase 50 anos sob cuidados da instituição desovou duas vezes, em 1990 e em 2009, sem que nenhuma das crias sobrevivesse na última gestação.

O diretor do zoológico afirmou ao jornal regional que é um fenômeno normal, embora seja raro , que pítons  se reproduzam sem copular com um macho. Em alguns casos, cobras conseguem armazenar esperma para fertilização retardada. O fator supreendente nesta história é que pítons-reais costumam deixar de pôs ovos muito antes dos 60 anos. Desta vez, três ovos sobreviverame estão em uma incubadora. Os demais foram usados para amostra genética. Testes vão verificar se os ovos foram criados de forma sexual ou assexual.

    Veja Também

      Mostrar mais