nuvem de gafanhotos
Reprodução/ONU
Nuvens de gafanhotos podem destruir plantações.

O jornalista Max Bearak estava passado por perto da montanha de Samburu ou Ololokwe, no Quênia , quando registrou uma nuvem de gafanhotos formada por milhões de insetos escurecendo o céu do local. Episódio aconteceu em 24 de abril.

Leia também: Barulho no céu: o que a ciência diz sobre o fenômeno que tomou as redes sociais 

Um vídeo feito pelo jornalista foi postado em seu perfil no Twitter. Nele, é possível ver milhões de gafanhotos voando em cima de uma estrada que fica ao lado da montanha. Confira o registro:

O vídeo chamou atenção das autoridades da região, já que uma nuvem de  gafanhotos tem um enorme poder de destruição de plantações e podem afetar a produção agrícola da região.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários